Segunda-feira, 11 de Abril de 2011

assim me despeço

Finalmente sinto-me em paz, quase que livre, completamente solta, até diria que feliz.

Fizes-te de mim aquilo que sou hoje, ajudaste-me a descobrir quem eu era e a ter noção dos meus lados mais ocultos. Hoje já te entendo, entendo-me a mim e percebo tudo o que tivemos, aquilo que somos e o porque de o sermos.

De facto, como tu próprio dizes, damo-nos lindamente, mas faltava algo e por agora esse algo não irá surgir, e juntos, só nos iriamos estragar um ao outro, fazer pior do que já fizemos, destruir o que nos resta. Tu tens tudo o que eu quero, mas falta dares-me o que eu mereço, pelo contrário, eu sou tudo aquilo que tu mereces, mas não tenho tudo aquilo que tu queres. Talvez um dia, chegaremos a esse nível que ambos necessitamos de chegar.

De certo modo, despeço-me com um até sempre.

 

 *beijinhos*

 

sinto-me: tranquila
música: A Fine Frenzy - Almost Lover
cozinhado por Maria às 20:19
link do post | e que tal (?) | adicionar aos preferidos

.um pedacinho extra

.pesquisar

 

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.migalhas recentes

. chegou a hora

. apetece-me

. Puzzle

. encontrei-te mio ragazzo

. sou humana

.velhos doces

.tags

. todas as tags

.preferidos

. expecto patronum

. bom mesmo .

. Eu queria-te aqui.

. Apontamento.

. Eu quero, mas tu não deix...

. Corpo, alma e coração.

. Desabafo #11 (eu quero sa...

. crazy with it, crazier wi...

. Estou fora para te esquec...

. Are you worth it?

.ando por ai

.(L)


Image Hosting by imagefra.me

.musica

.informação

As imagens são todas tiradas da internet, quando não forem, eu avisarei.